somas da vida

arte | edward ruscha

 

 

ele tinha um obscuro sistema de cálculos para a vida — era como estava na capa da caderneta onde anotava as metas a serem atingidas — que precisava permanecer em segredo.

se fosse mostrado a qualquer adulto arrancaria um sorriso condescendente e a conclusão equivocada de que ele era um completo idiota. não era. apenas andava numa fase ruim que vinha se estendendo além do necessário.

 

2 comentários sobre “somas da vida

  1. valéria 10/09/2012 / 12:45

    talvez ele ainda não saiba a diferença entre meta e objetivo.

    Curtir

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s