distâncias intransponíveis

ilustração | jose saez
ilustração | jose saez

 

 

era para ter peso e leveza, a vida em vibração intumescida. a sátira tinha sido convidada e compareceu, riso debochado de quem sabe que a vida é risco e tentação.

sózia pediu conhaque. sentou-se, lamentou a distância da terra natal mas depois riu. vocês, brasileiros, ele disse, são uns pândegos que não levam nada a sério. e o que há para levar a sério?, contrapus. exatamente, ele riu, exatamente.

 

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s