ladrão de histórias

faixa

 

 

“para fora daqui, essa é a minha meta”

franz kafka — a partida

 

ela tinha por hábito pegar ônibus para ir ao trabalho. deixava o carro na garagem durante a semana e, ao lado de contribuir com sua cota cidadã, gostava de ouvir fragmentos de conversas alheias, fosse da pessoa com algum interlocutor no mesmo ônibus, fosse a unilateral conversa ao celular. brigas, crises, declarações de amor pela metade, ela cultivava tudo, anotando num bloquinho, mesmo com o ônibus em movimento, o teor de algumas frases e, às vezes, também o aspecto físico ou a indumentária de quem as havia enunciado. mais tarde transcrevia as frases num blog que fazia a crônica fragmentária da linha o.522, entre a casa e o trabalho, cinco dias por semana, duas vezes por dia, salvo em caso de doença ou nas férias. claro, havia dias vazios de frases pouco inspiradas que não rendiam o esperado. a maioria eram conversas enigmáticas transcritas como tinham sido ouvidas. a imaginação completava lacunas. em algumas frases, faltava pouco para preencher o conteúdo que faltava. “vou descer na parada do itamaraty”, ela ouviu uma mulher madura dizer ao celular. “você já chegou aí? está me esperando ou vou ter que te esperar?” de vez em quando precisava conter a vontade de descer do ônibus atrás de alguém e continuar bisbilhotando a história anônima, como se fosse uma sophie calle de uma capital dos trópicos. o que suponho que ela não tenha previsto é que alguém (no caso, eu) um dia a ouviria contar sua história de como começou o blog, enquanto almoçava com uma amiga numa mesa próxima a minha na área de alimentação de um shopping, e de caçadora passaria a caça, virando personagem, também anônima, porque não ouvi a amiga chamá-la pelo nome sequer uma vez. também sou um predador, que vivo de emboscadas.

 

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s