este porquinho foi ao mercado

fagulhas

 

 

tem gente que é assim, coloca uma quarta, abre um sorriso, toca a vida como se ela fosse maravilhosa, ou pelo menos contém a promessa de ser maravilhosa, ou, mais precisamente, como se fosse o palco onde sempre é necessário vestir a máscara da felicidade compulsória. então a pessoa sorri; não, gargalha, e conta a coisa mais trivial como se fosse a mais incrível e mirabolante de todos os tempos, com ênfases e impactos, a mão em gestos amplos para acompanhar. fico imaginando que história essa pessoa conta à noite, diante do espelho, enquanto tira a maquiagem. não me parece que existam sorrisos ou casos fascinantes, somente o mesmo velho eu de sempre, que conhece todos os truques e não acha graça de nenhum em particular.

 

6 comentários sobre “este porquinho foi ao mercado

  1. estou a quase quinze minutos olhando para tela do computador pensando em que escrever neste comentário. contudo, não consegui. talvez porque eu tenha me identificado com o texto ou talvez só tenha me admirado demasiadamente com a sua forma de escrever.
    enfim, parabéns! ótimo blog, leio sempre que posso, apesar de ser a primeira vez que comento.
    lilah.

    Curtir

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s