casas para habitar

bancos

 

 

existem pessoas que constroem a vida (sim, é um tipo de construção) em torno do conceito de lugar: em algum momento, no futuro imediato, breve, médio ou distante está a ideia de casa. tê-la, habitá-la, ser por ela habitado, afastar-se dela (viagens de férias) para melhor compreender o papel central que ela exerce na vida. depois se pensa que a ideia de casa, lar, domicílio só faz sentido se puder ser compartilhada. e quando se entende e se pratica o compartilhamento, a ideia de casa não faz mais tanto sentido. passa a ser onde a pessoa está.

 

2 comentários sobre “casas para habitar

  1. aurea cristina szczpanski 25/11/2013 / 10:43

    exato! “meu lar é onde estão meus sapatos”… minhas tralhas todas, aliás; incluindo objetos de recordação, coisas que eu nem sei se são úteis, pessoas com quem me acostumo, meus livros, meus cães… acho que é essa sensação de possuir a algum lugar e ele a mim…

    Curtir

    • paulopaniago 25/11/2013 / 14:36

      pois é, aurea. acho que teve alguém, se não me engano o abraham lincoln, que disse que o escritório era embaixo do chapéu. economia inteligente, me parece, sagacidade. menos em expansão.

      Curtir

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s