O que está comendo Roberval

Imagem | Yvan Favre
Imagem | Yvan Favre

 

 

Os amigos lhe dizem que Roberval está com a vida ganha, ele sorri amarelo e procura mudar o assunto. À noite, deita-se para dormir e não tem problema, logo consegue apagar. Mas então desperta às duas, às três, às quatro ou às cinco, a depender da sorte, e não consegue dormir mais. Acontece um, dois dias, a semana inteira. Encara o teto negro, depois liga a televisão no quarto, desliga daí a pouco, tenta ler, muda de lado, bebe leite quente, entretanto nenhum método dá conta de tirar do quarto a nova e persistente parceira. Roberval procurou um médico, que depois de exames lhe disse que a saúde física está ótima — você está com a vida ganha, foi o que o médico lhe disse, sem saber dos comentários feitos pelos amigos de Roberval —, portanto recomendou-lhe o que faltava, ou seja, terapia. Roberval pôde riscar da lista de assuntos para pensar durante à noite o câncer que supôs que estivesse avançando faminto pelas entranhas e lhe enviando sinais secretos para aproveitar a vida enquanto restasse tempo. No sofá do terapeuta, descobriu que não havia exatamente uma questão existencial ou filosófica, nem de cunho psicológico, por incrível que pareça e por mais que tenha escarafunchado o sujeito, nada se apresentou nem de forma aparente nem nos níveis inferiores a lhe atormentar a ponto de ser responsável pelas noites mal dormidas. Pelo menos o terapeuta não foi cretino de lhe dizer que ele era um sujeito com a vida ganha, mas passou perto. No vácuo da noite, Roberval sabe que a vida é um permanente acúmulo de perdas, um aproximar-se sempre terrível da última e mais potente perda, a total, como na terminologia que usam para carros em acidentes. Ele não consegue parar de pensar que os bens que acumula, os confortos materiais são apenas compensações temporárias para amortizar o último impacto. Pobre Roberval, a navegar pelas sombras de maneira tão desperta.

 

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s