O homem e a parede

Ilustração | Saul Steinberg
Ilustração | Saul Steinberg

 

 

O sujeito carregava junto ao corpo uma cadeira dobrável, toda de madeira. Caminhou com ela até chegar diante de uma parede pintada de amarelo, muito grande, sem qualquer porta ou janela. Ele abriu a cadeira e a postou com as costas contra a parede e então se sentou. Se houvesse levado algo para ler, um livro, uma revista, um jornal, um catálogo que fosse, aquela seria a hora de abrir e começar a leitura. Limitou-se a olhar o voo dos pássaros que cruzavam por ali, os formatos divertidos das nuvens no horizonte e a tentar adivinhar as manobras que os garotos das redondezas faziam em seus skates a partir dos sons secos das rodas contra o asfalto que lhe chegavam. Ali o homem permaneceu. Houve um ano em que se afastou da cadeira para comprar pincel e tinta e quando voltou ninguém havia tocado na cadeira. Pintou uma estrela, depois duas, depois uma dúzia, na parede amarela. Não lhe pareciam suficientes ou belas as que podia vislumbrar no céu, à noite. Quem passava por ali geralmente o cumprimentava, havia algumas pessoas que chegavam mesmo a parar para uma conversa mais detida. Ninguém, no entanto, arriscava dizer as motivações do sujeito para permanecer ali o resto da vida, de modo que não houve muitas especulações no dia em que amanheceu morto, muitos anos mais tarde. Foi enterrado como indigente, porque não se encontrou qualquer parente para lhe pagar o sepultamento. Em seguida, a vida prosseguiu com sua proverbial indiferença, como ela sempre faz.

 

4 comentários sobre “O homem e a parede

  1. Mirian Oliveira 06/01/2015 / 14:41

    esse sujeito é quase um van gogh. com algumas pinceladas a mais ou a menos.

    Curtir

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s