Futuro é angústia

Foto | Flor Garduño
Foto | Flor Garduño

 

 

A expectativa de que algo vai acontecer gera uma angústia da espera: acontecerá? Terá o efeito que se imaginava quando acontecer? Será melhor ou pior do que a cena antecipada na imaginação? A quebra dessa expectativa, por exemplo adiar o horário para outro, bem mais tarde, pode ter duplo efeito: amplia ainda mais a agonia que incomodava ou então se abdica dela de uma vez por todas e entra-se numa espécie de relaxamento. Arnaldo na frente do espelho, a ensaiar as palavras que dirá para a mulher que deseja ter a seu lado e a quem pretende conquistar. Não será fácil, a vida desses dois, equilibrando mal e mal as projeções alheias de um sobre o outro, os defeitos não apenas revelados, mas ampliados, até que não mais se suportem ou, ainda pior, não mais se respeitem. Mas isso é depois, amanhã. Hoje a vida é desejo e esperanças luminosas e expectativas felizes. Como Arnaldo, diante do espelho, ensaiando sua fala.

 

4 comentários sobre “Futuro é angústia

  1. Thaís Figueiredo 05/03/2015 / 12:23

    Dostoiévski fala sobre “esperanças luminosas” em Os demônios. Foi intencional ou Freud explica? Hahahaha, brincadeira.

    Seu texto é ótimo e Arnaldo me parece um cara forte e corajoso, porque esperança e otimismo são coisas terríveis. Só entendo a lógica dos ansiosos, para quem o pessimismo é condição primordial de felicidade.

    Curtir

    • paulopaniago 05/03/2015 / 14:13

      Só Freud e algum resquício de memória, muito possivelmente, já que esse foi um romance que li recentemente, embora minha memória só consiga guardar o muuuuito recente (ontem é longe).

      Curtir

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s