Brasília te amo e te odeio

Arte | Constantinos Chaidalis
Arte | Constantinos Chaidalis

 

 

Brasília é um monstrengo. O vazio imenso, a ocupação insana. Onde alguém via espaço negativo, quiseram preencher: negativo é o caralho, imagino que alguém possa ter dito. É preciso preencher cada centímetro, sem falta, como se o vazio fosse falha a ser corrigida. Mas não se consegue mover uma palha contra a amplitude do céu, o espaço negativo superior que encobre tudo. Um monstrengo, nem vazia, nem cheia.

 

Um comentário sobre “Brasília te amo e te odeio

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s