Para o buraco

Imagem | Giorgio Ortona
Imagem | Giorgio Ortona

 

 

O país está indo para as cucuias, mas quando é que não não esteve?, ele pensou. Não se afunda um país, é impossível, as pessoas sempre dão um jeito de se reinventar, de juntar os cacos, de colar os fragmentos. Mas sempre que abre o jornal e se põe a ler, tem a impressão de que a coisa está feia, está piorando, fica mais decadente e acintosa. Mas então decide ser honesto e olha bem o rosto no espelho. O que está indo para as cucuias é você, meu caro, ele diz para a imagem no espelho, que lhe dá um sorriso melancólico de volta.

 

Um comentário sobre “Para o buraco

  1. Criss Araújo 28/07/2015 / 11:46

    Que lindo… Quanta sensibilidade e expressividade em tão poucas palavras! Às vezes, sinto-me assim, a buscar esperança e ver-me no real. Lindo…

    Curtir

deixe um comentário ou um desaforo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s